A Ciena® (NYSE: CIEN) apresenta ao mercado novos sistemas e funcionalidades que habilitam as operadoras de rede a sintonizar, controlar e ajustar dinamicamente a capacidade óptica em um mundo sob demanda em que o 5G, a IoT, a entrega de conteúdo e a nuvem estão redefinindo de maneira acelerada os requerimentos de rede. Ao combinar sistema óptico flexível totalmente instrumentalizado com um software inovador, o Liquid Spectrum pode monitorar e explorar todos os ativos de rede disponíveis para que os clientes possam responder instantaneamente às novas demandas de largura de banda e alocar capacidades em qualquer caminho em tempo real. 

O Liquid Spectrum é o resultado do valor de várias tecnologias ópticas e software de ponta. Estão inlcluídos nesse sistema soluções da Ciena como a camada fotônica reconfigurável altamente instrumentalizada, a óptica coerente WaveLogic Ai, o Blue Planet Manage, Control and Plan (MCP) e outros novos aplicativos avançados de software. Consistente com a filosofia OPn de redes da Ciena, o Liquid Spectrum utiliza APIs e interfaces padrão para suportar os requisitos de arquitetura aberta e acessível das operadoras.

Destaques:

  • As operadoras sabem que o método estático tradicional de construção de redes já não é suficiente para acompanhar os desafios atuais em escala Web a elas aplicados, nem as demandas imprevisíveis de largura de banda. Para solucionar essa questão, a Ciena está redefinindo a maneira como as redes ópticas são construídas, oferecendo um modelo para arquiteturas ópticas definidas por software que é mais ágil, dinâmico e aberto e que atende aos requisitos de rede da próxima década.
  • Suportado pela plataforma de software Blue Planet, pela tecnologia óptica coerente ajustável WaveLogic Ai, e com uma camada fotônica reconfigurável, todos desenvolvidos pela Ciena, o Liquid Spectrum ajuda as operadoras a garantir que a quantidade ideal de largura de banda seja usada a qualquer momento. As interfaces abertas para a telemetria de alto desempenho são aplicadas tanto para software como para hardware, dando às operadoras mais opções na implementação de sua arquitetura.
  • Para iniciar, o Liquid Spectrum contará com aplicativos avançados de software, entre eles estão:
    • O medidor de desempenho Performance Meter, que ajuda as operadoras a garantir proativamente um desempenho otimizado do sistema, oferecendo pela primeira vez acesso a dados precisos de planejamento em tempo real para o hardware existente e para os novos serviços em planejamento.
    • O otimizador de largura de banda Bandwidth Optimizer, que utiliza políticas de serviço definidas pelo cliente e sugere capacidade, configuração de hardware e alocação espectral ideais para qualquer canal, em qualquer caminho de rede.
    • O otimizador de largura de banda Bandwidth Optimizer, que utiliza políticas de serviço definidas pelo cliente e sugere capacidade, configuração de hardware e alocação espectral ideais para qualquer canal, em qualquer caminho de rede.
    • O sincronizador de linha de onda Wave-Line Synchronizer, que acelera o provisionamento de serviços, reduz as etapas de provisionamento manual e elimina os erros humanos que ocorrem em implantações ópticas de múltiplos fornecedores.
  • O WaveLogic Ai e o Blue Planet MCP da Ciena, dois elementos-chave do Liquid Spectrum, estarão disponíveis no segundo trimestre de 2017. O Liquid Spectrum e seus aplicativos de software iniciais estarão no mercado até o final deste ano. 

Comentários dos executivos: 

  • “Com o Liquid Spectrum, a Ciena reúne aprimoramentos de hardware óptico com um portfólio expandido do Blue Planet. O resultado é uma estrutura estratégica para a forma como os operadores de rede podem evoluir para operações mais ágeis e começar a construir o caminho para redes ópticas autônomas.”
    - Heidi Adams, diretora sênior de pesquisa em redes de transporte da IHS Markit
  • “Houve uma época em que as operadoras de rede podiam facilmente e a qualquer momento prever suas demandas de tráfego de rede e necessidades de capacidade. Mas entramos em um novo mundo com novas regras em que as redes são mais complexas e móveis e os aplicativos em nuvem podem revolucionar de um dia para o outro. Com o Liquid Spectrum, estamos compartilhando a nossa visão e um plano completo da maneira como as futuras redes ópticas deverão ser construídas para enfrentar os desafios dos próximos 10 anos e além.”
    - Steve Alexander, vice-presidente sênior e diretor global de tecnologia da Ciena

Destaques da OFC 2017:

  • A Ciena vai fazer uma demonstração do Liquid Spectrum no estande 2146 da OFC 2017, que acontecerá na próxima semana em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Sobre a Ciena
A Ciena (NYSE: CIEN) é uma empresa de tecnologia e estratégia de rede. Traduzimos tecnologia top de linha em valor agregado por meio de um modelo de negócios de alta qualidade e consultivo, com uma unidade implacável para criar experiências excepcionais medidas por resultados. Para atualizações sobre a Ciena, siga-nos no Twitter @Ciena, LinkedIn, blog Ciena Insights ou visite http://www.ciena.com.

Nota aos Investidores da Ciena
Visite a seção Investidores no nosso site, onde rotineiramente postamos press releases, arquivos da SEC, notícias recentes, resultados financeiros e outros anúncios. De tempos em tempos, publicamos exclusivamente informações relevantes neste site, juntamente com outros canais de divulgação que usamos. Este comunicado de imprensa contém certas declarações prospectivas que se baseiam em nossas atuais expectativas, previsões, informações e suposições. Estas declarações envolvem riscos e incertezas inerentes. Os resultados reais podem ser materialmente diferentes daqueles declarados ou implícitos em nosso relatório anual ou trimestral mais recentemente arquivado junto à SEC. Declarações antecipadas incluem afirmações a respeito de nossas expectativas, crenças, intenções ou estratégias e podem ser identificadas por palavras como "antecipa", "acredita", "poderia", "estima", "espera", "pretende", "pode, " "deve ","irá" e "iria" ou palavras semelhantes. A Ciena não assume qualquer obrigação de atualizar as informações contidas neste comunicado de imprensa, seja como resultado de novas informações, eventos futuros ou outros motivos.